domingo, 20 de julho de 2014

Desfralde - o início

Depois de ponderar melhor sobre o assunto, decidi tentar. Falei com uma das educadoras do Afonso e ela fez-me ver que se não fosse agora, já só seria depois dos 3 anos. Se não funcionar, voltamos às fraldas, sem stresses.

Comprei uns boxers como os do pai, levei e passei uma data de calções de algodão que eram do meu afilhado, comprei uns crocs e preparei-me para um fim de semana de xixis.

No sábado estava de mau humor e não queria nada do que eu lhe tentava fazer. Não comeu quase nada e não se quis aproximar do bacio. Andou de fralda o dia todo e eu pensei que teriamos que começar pela escola.
Hoje acordou às 7 e pouco e pediu papa. O pai levantou-se com ele, deu-lhe a papa e foram deitar-se comigo. Dormimos até às 9. Ele acordou e fomos para aa sala ver bonecos.
Calcei-lhe as sandálias e pu-lo no chão. Pediu cocó. Coloquei-o no bacio sem expetativas nenhumas. Fez um belo cocó e um grande xixi. Fizemos a festa e vestimos-lhe uns boxers. Se era para tentar, ia aproveitar a deixa.
Saímos durante umas 2 horas e meia e ele de boxers e calças. E eu com o coração nas mãos.
Chegámos a casa e pu-lo no bacio. Nada. Vesti-o e disse-lhe para me avisar. Não avisou. Fez xixi no chão.

Vesti-lhe outros boxers, almoçou e foi dormir de fralda.
Acordou, lanchou, tirei-lhe a fralda (limpinha), pu-lo no bacio e fez um grande xixi.

Boxers, calções e fomos às compras.
Passadas 3 horas e depois de estar no bacio sem fazer nada, doos xixis no chão. Nada que eu não esperasse. No último xixi avisou enquanto fazia, o que mostra que já percebeu que deve avisar. Ainda não avisa éba tempo, mas lá chegaremos.

Resumo do dia (até agora): 3 cuecas com xixi, um xixi e um cocó no bacio, várias horas fora de casa sem fralda e sem acidentes. Não está mau.

2 comentários:

M♥M Susana disse...

O desfralde nem sempre é fácil mas chega-se lá... Já à mais de 1 ano que o meu G usa sempre cuecas de dia e pede para fazer e à uns quantos meses é que começou a querer fazer tudo sozinho, colocar o degrau, baixar calças, cuecas, carregar no autoclismo, mas ainda assim o que foi mais difícil foi os cocós, no desfralde diurno ele teve um período que prendia e não fazia mas esse problema já foi ultrapassado. o desfralde da sesta está a correr bem porque cedi a um pedido do meu marido em não deixar ele dormir e acordar por si só,de inicio ao fim de 1h30 acordava-o e já o deixei por 2 horas e deixa a fralda sequinha, mas isto é uma conquista de à uma semana atrás, nada de pressas. O bom é que ele só fazia mesmo xixi e cocó quando acordava e dava-lhe a preguiça e fazia nas cuecas e cama, porque se fosse logo no princípio do sono é que seria mais dificil. o engraçado é que volta e meia depois de uma noite inteira acorda com a fralda seca mas ainda assim primeiro é a sesta da tarde e só depois passaremos para a noite. Mas depois de conseguir-se uma a da noite é um saltinho ;o) Boa sorte com o desfralde do teu Afonso ;o)

Ana disse...

Obrigada! Vamos lá ver como corre.