segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Amamentação

3 meses e meio de amamentação e chegámos à fase ultra rápida.
O Manel leva 5 minutos em algumas mamadas, nas duas mamas. Outras vai dormitando e demora o tempo qje ele quiser, que aqui ele é que manda.
Nos primeiros dias estranhei a rapidez, mas depois lembrei-me que o Afonso também era assim.

O refluxo está melhor, mas mantemos a posição de mamar vertical e durante mais uns minutos.
Já posso brincar com ele deitado (antes bolçava muito e eu nem tentava), dar-lhe mama deitado na cama (tenho que o levantar depois e fica bem), até já aguenta mamar dentro do ovo, quando vamos em andamento nas viagens mais longas (técnica que usava sempre com o Afonso para não termos que parar). A primeira vez que tentei bolçou tudinho de jacto.

Vamos manter a amamentação em exclusivo até aos 6 meses, apesar de ir para a creche daqui a um mês.

Cada dia é mais fácil cuidar dele.

2 comentários:

M♥M Susana disse...

por esta alturas eles tendem mesmo a serem mega rápidos a mamar, por cá também estamos assim. Agora fiquei 'intrigada' como consegues dar mama com ele dentro do ovo, para mim isso é mesmo impossivel, sinto-me completamente sem elasticidade para essas posições e prefiro parar o carro, para além de ser mais seguro para mim, numa travagem por ex. Beijinho

Ana disse...

Ahahah! A posição é estranha e desconfortável, mas muito vantajosa em termos de tempo.
Ele fica como está e eu "enfio-me" dentro do ovo e troco de mama quando necessário. É certo que eu fico sem a segurança do cinto (às vezes consigo mantê-lo posto), mas é por pouco tempo e o marido abranda sempre.
Numa viagem de 3 horas em que o Afonso adormece e se pararmos acorda rabujento, além de que se tirar o Manel do ovo para mamar depois tenho que esperar uns 20 minutos para o voltar a sentar, porque assim que o dobro vem tudo fora, vale o esforço...