quinta-feira, 30 de outubro de 2014

As noites

Ainda não conseguimos encontrar a formula perfeita para termos noites tranquilas cá por casa.
Começamos os banhos das crianças por volta das 21.30h. Toma o Afonso, depois o Manel, o Afonso vai para a cama dele com o pai e o Manel fica a mamar.
Adormecem os dois, depois o pai e a mãe. Até aqui perfeito!
O Manel faz o primeiro soninho de 3 horas, depois acorda para mamar. E aqui é que começa a festa...
Mama, faz cocó, mudo a fralda, desperta, mama e mama e mama... até, finalmente, adormecer. Nisto passam 2 horas!

O Afonso aprendeu a vir para a nossa cama quando acorda durante a noite e, em hipotese alguma, quer voltar para o quarto dele. Se vier enquanto o Manel dorme no berço, abraça-se a mim e adormece logo, se o mano está acordado lá se vai a noite de sono. Não dorme sem ser comigo, faz barulho e desperta o mano que adormece na mama, por isso mama e mama e mama... e o Afonso em desespero. Até que o pai embala o mais novo, que demora uma eternidade a adormecer se não for comigo, e eu tento adormecer o Afonso, que entretanto já perdeu o sono.
Nisto passam as horas e o pai vai trabalhar cheio de sono, o Afonso fica com sono e rabugento e a mãe fica com sono e remorsos porque o Afonso não dormiu bem. E culpa por ainda não ter encontrado a formula perfeita...

Resta-me a esperança que dentro de pouco tempo o Afonso deixe o mano deitar-se ao lado dele e que o Manel cresça depressa para dormir numa cama familiar. Não será a formula perfeita, mas não haverá tanto sono de manhã.

3 comentários:

Magda E. disse...

as primeiras semanas são terríveis, é verdade, mas com o tempo encarrilhamos e tudo se endireita. O Santiago faz 4 meses daqui a 2 dias e as coisas por aqui estão bem mais calmas. =)

Ana disse...

Já faz 4 meses? O tempo passa mesmo a correr...

Eu acredito que cada dia vai ser melhor, mas andamos estoirados.

M♥M Susana disse...

Pois as noites não são fáceis mesmo mas ainda assim ainda não me posso queixar, com o A. está a ser mais fácil em muitas coisas, desde o mamar bem, a arrotar, o bolsar pouco, no entanto para fazer os cocós ui ui não faz em quase todas as mamadas, faz tipo 1 vez por dia e senhores! são precisas umas 3 fraldas para amparar tamanha obra ;o) Tem sido muito bom a reacção do mais velho e até agora não noto regressões, agora tem menos pesadelos (coisa que já tinha ainda eu grávida) e nunca sai da cama nem gosta da nossa e eu mesmo que quissesse amamentar deitada o A não gosta nada de nada e não é mesmo falta de jeito da minha parte... Não há mesmo formulas mágicas, há que tentar ser o mais flexivel possivel para bem de todos...
Beijinho
Publiquei no meu blog de tricot foto do A depois de nascer, uma excepção já que não gosto de expôr fotos dos meus...